como criar um site

21 de março de 2013

Deputado federal João Arruda (PMDB/PR) apoia a campanha “Aduana 24 horas”

O deputado federal João Arruda (PMDB/PR) recebeu a presidenta do Sindireceita, Sílvia Alencar, o diretor Sérgio de Castro e o presidente do CEDS/PR Jorge Luiz. Durante o encontro a presidenta do Sindireceita apresentou ao parlamentar que atua na região de Foz do Iguaçu/PR a campanha “O Brasil não pode parar! Aduana 24 horas já”

O deputado federal João Arruda (PMDB/PR) recebeu ontem, dia 20, a presidenta do Sindireceita, Sílvia Alencar, o diretor da DEN, Sérgio de Castro e o presidente do Conselho Estadual de Delegacias Sindicais do Estado do Paraná (CEDS/PR), Jorge Luiz Moreira da Silva. Durante o encontro a presidenta do Sindireceita apresentou ao parlamentar que atua na região de Foz do Iguaçu/PR a campanha “O Brasil não pode parar! Aduana 24 horas”. A reunião contou também com a presença da vereadora de Foz do Iguaçu/PR Anice Nagib (PT/PR). 

O deputado federal João Arruda (PMDB/PR), que integra a Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados, destacou a importância da discussão proposta pelo Sindireceita, especialmente no momento em que o País prepara-se para sediar eventos internacionais que vão atrair milhões de turistas. Ele se colocou à disposição para levar essa discussão para a Comissão de Turismo da Câmara. 

A presidenta do Sindireceita, Sílvia Alencar, enumerou as falhas no controle aduaneiro e destacou os prejuízos e os riscos que a falta de estrutura para atendimento aos turistas podem gerar ao País. Sílvia Alencar lembrou ainda que a Copa das Confederações e a Copa do Mundo devem atrair uma grande quantidade de turistas dos países vizinhos que devem ingressar no Brasil pela fronteira seca. “Sem ampliar o número de Analistas-Tributários nos postos de fronteira e sem a extensão no horário de atendimento não teremos nenhuma condição de saber quem está entrando no País. Pode ser apenas um turista interessado em assistir aos jogos, mas também pode ser um traficante ou um contrabandista. O País precisa, urgentemente, de uma política nacional para a Aduana”, destacou. Foi esse um dos objetivos que levou o Sindireceita a criar a campanha “Aduana 24 horas”, acrescentou o diretor Sérgio de Castro. “Precisamos de uma estrutura eficiente na Aduana que atenda bem o turista e que tenha condições de atuar de forma eficiente na fiscalização, vigilância e repressão”, destacou. 


Artikel Terkait: